quarta-feira, 22 de abril de 2009

Negação

No filme Moulin Rouge o personagem Zidler diz à Satine (Nicole Kidman):
"Somos criaturas do submundo. Não podemos nos dar o luxo de amar."
É claro que não levamos o conselho em consideração, pois torcemos para que a cortesã viva intensamente sua love story e assim ela o faz.
Não quero concordar inteiramente com a frase, mas a realidade me obriga a repeti-la como um mantra. Não que eu me considere pertencente ao submundo, mas não acho que o amor me caiba nas circunstâncias atuais. Pode-se dizer que a vida dupla que compartilho neste blog é um período de escolha entre aceitar os deliciosos clichês românticos ou negá-los. Eu já os aceito na ficção, mas sei que se eles existem por lá é porque por aqui deve haver algo parecido.
"Não se pode negar o amor." Primeira frase dita no filme Pecado Original. Mas eu nego. Por enquanto eu nego. Me descupe a Satine.

2 comentários:

Junior disse...

ahh, nao acho o amor tao . . . magico, ou sei lah, como falam. nao acredito nele, mas nao acho menos de quem acredite. pra mim amor eh soh um sentimento criado por poetas, igual os mundos de faz de conta.

Lyca disse...

Não sou poeta...então não sei falar de amor...